Entrevista com o presidente da Yamaha Osamu Kobayashi

Nessa entrevista, o Presidente da Yamaha Motor do Brasil, conta a sua trajetória na Yamaha, fala de quais serão os próximos passos da montadora no mercado nacional e também cita como a Yamaha pretende transformar a crise do Covid 19 em oportunidade.

A Revista da Abracy apresenta com exclusividade a primeira entrevista do novo presidente da Yamaha Motor do Brasil, Osamu Kobayashi. Ele fala sobre os desafios da carreira, sobre suas prioridades no País, analisa o momento do mercado de motocicletas e deixa uma mensagem especial para os dealers da Rede de Concessionários. O conteúdo é imperdível!

Rede Yamaha News – Como foi o seu ingresso na Yamaha e quais foram os maiores desafios da sua carreira?
Osamu Kobayashi – Toda minha vida, desde a infância, sempre fui ligado aos esportes náuticos. Durante meu tempo de faculdade, gostava muito de windsurfe. No Japão, a Yamaha é a empresa líder no setor náutico, o que me deixou muito interessado em trabalhar lá. E, até agora, tenho gostado muito de trabalhar na Yamaha. Falando sobre desafios, eles estão em toda parte. Mas, acredito que um dos maiores desafios da minha carreira foi reerguer a empresa na Rússia. No final, observar todos os obstáculos superados e as conquistas que eu atingi, me fizeram ver tudo com grande empolgação.

O ambiente de negócios mudou drasticamente devido aos impactos dramáticos da pandemia da Covid-19. No Brasil, quais são os grandes desafios da Yamaha e de sua Rede de Concessionárias? 
Para mim, é muito claro que a Yamaha e as concessionárias têm que encontrar oportunidades de negócios nesse novo ambiente de negócios da maneira mais inteligente e rápida possível. A pandemia nos trouxe uma mudança de estilo de vida e uma evolução acelerada nas transformações digitais. Diante de tais fatos, é preciso adaptar as estratégias desse novo modelo de negócios para continuarmos valorizando os clientes. Essa é a chave. Tendo os valores da marca Yamaha no centro, a fábrica e as concessionárias devem trabalhar juntas para fornecer produtos, serviços e valores que encantem os clientes. E, ao mesmo tempo, garantir a plataforma off-line tradicional como base.

Como a Yamaha pretende transformar a crise em oportunidade?  
Conforme respondido na questão anterior, pretendemos alocar nossos recursos gerenciais ao novo modelo de negócio baseado na transformação digital. Afinal, a Yamaha Motor do Brasil é pioneira em experiência digital no Grupo Global da Yamaha e o primeiro fabricante no Brasil a oferecer uma jornada digital completa para o cliente. Portanto, graças ao novo estilo de vida da sociedade, temos novas oportunidades de crescimento.

O desejo pela motocicleta não mudou. Pelo contrário. É possível dizer que a nova mobilidade será sobre duas rodas?
De fato, o desejo de se ter uma motocicleta não mudou. Temos observado uma forte demanda em muitos países. Nos países mais desenvolvidos, a procura por motocicletas de lazer têm sido extremamente alta, enquanto em outros países a demanda é para transporte básico ou delivery. Acredito que muitas mudanças podem ocorrer no futuro, tanto para as motocicletas quanto para outros tipos de mobilidade, como serviço de aluguel por assinatura, veículos autônomos, etc. Todas essas novas tecnologias podem remodelar a indústria da mobilidade e, portanto, devemos estar atentos e reagir rapidamente a esse novo ambiente.

O objetivo global da Yamaha, neste momento, é criar um novo Kando, refinando o estilo único da marca. O que é possível pensar sobre isso?   
De acordo com a visão global de longo prazo da Yamaha “ART for Human Possibilities” (ART para Possibilidades Humanas), na qual ‘A’ significa Avançar com a Robótica, ‘R’ para Repensar Soluções e ‘T’ para Transformar a Mobilidade. Nós vamos continuar sendo uma empresa criadora de KANDO, entregando valores ao mercado adequadamente. Como isso faz parte de estratégias confidenciais, gostaria de pedir humildemente aos leitores que consultem o site global da Yamaha sobre a nossa visão corporativa. 

Quais serão os próximos passos da Yamaha no mercado nacional?    
Obviamente, o passo mais importante que eu gostaria de ver é a conclusão de vários projetos que a Yamaha do Brasil está realizando. Com eles, vamos definitivamente aumentar o valor da nossa marca e a competitividade da nossa empresa. Além disso, é desnecessário dizer o quanto a conectividade por meio da tecnologia digital é importante para manter nossos clientes satisfeitos com nossos produtos e serviços, bem como para atrair novos clientes potenciais. Nossos consultores de campo estão aptos e orgulhosos em ajudar nossas concessionárias a crescer nas áreas da transformação digital, oferecendo nossa nova experiência on-line ao cliente, e no sistema de gerenciamento de leads.

Além disso, é muito importante manter a consistência do que já alcançamos para melhorar a experiência do cliente como a Estratégia 5P.O, o Programa KAIZEN, o foco total em NPS e a nova Identidade Visual, para continuarmos criando KANDO aos nossos clientes brasileiros. Dessa forma, tenho certeza de que nossas concessionárias e os nossos clientes continuarão se beneficiando sempre.

Falando sobre o portfólio da marca no País, está faltando algum modelo?
Honestamente, esta é uma pergunta muito difícil para mim. É complicado dizer ‘não’. Na realidade, na vida tudo sempre está incompleto. No entanto, a Yamaha está continuamente otimizando seus recursos de engenharia, para fazer o nosso melhor ao lançar produtos que atendem às necessidades do mercado da maneira mais oportuna possível. Vocês podem contar conosco.

Você acredita que o futuro da motocicleta está na eletrificação?     
Pessoalmente, acho que não há dúvidas de que o direcionamento futuro é mais ecológico. No entanto, as opções de tecnologia são muitas. E não necessariamente apenas elétrica. E não será possível a realização por apenas uma montadora. Junto com o desenvolvimento da infraestrutura, veremos esse direcionamento algum dia, eu acho.

Como espera se relacionar com a Rede Yamaha e os dealers?      
Em um espírito de benefício mútuo. Espero que as concessionárias e a Yamaha sejam profissionais o suficiente para buscarem bons valores para os clientes. Essa é a única maneira de garantir um crescimento sustentável.

Qual é a sua mensagem para a Rede de Concessionários Yamaha?      
Somos hoje a marca mais inovadora do Brasil, com os produtos mais premiados pelos clientes e a principal vencedora em várias competições esportivas. A Yamaha é uma empresa única. Ela possui o espírito de desafio de uma forma única e se permanecermos como uma marca inovadora, seremos vitoriosos. Isso já foi provado. As chances de negócios estão em todos os lugares e a qualquer momento neste país. Eu só quero trabalhar profundamente junto com vocês, concessionários, para aproveitar essas oportunidades e termos sucesso juntos.

Muito obrigado pela atenção.

 

 

compartilhar esse artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.